Quais principais problemas nas primeiras semanas com a prótese total?

postado em: Blog | 0

A adaptação à novas próteses dentais pode trazer diversos efeitos incômodos, principalmente nas primeiras semanas de uso. Listo os seis principais problemas enfrentados e falaremos sobre cada um deles:

– Desconforto, como sensação de aperto nos tecidos em que a prótese está suportada e, em alguns casos, dor leve. Entretanto, não é normal formação de aftas, feridas ou machucados. Se isso acontecer, o ideal é suspender, provisoriamente o uso da prótese e procurar o cirurgião-dentista para realizar os ajustes necessários.

– Dificuldade em falar, em articular as palavras. Pode haver mudanças na pronúncia de alguns fonemas, temporariamente. Porém, com o uso, a musculatura se adapta à prótese e a pessoa volta a falar normalmente. O ideal é não se intimidar, persistir, se for o caso, treinar a pronúncia das sílabas mais difíceis, repetindo em voz alta, em frente a um espelho.

– Impressão que os lábios estão projetados para a frente, que a boca está volumosa, que a prótese é um corpo estranho ou que falta espaço para a língua. Apesar de desagradável, à medida que a musculatura se acomoda à prótese nova, esta sensação diminui.

– Sensação de que as próteses estão frouxas, que se soltam tossir ou sorrir. Isso é frequente até que os músculos das bochechas e da língua aprendam a mantê-las em posição.

– Sensação de que os dentes estão compridos, especialmente se os dentes das próteses antigas já estavam gastos. É importante ressaltar que quase sempre, isso é só uma impressão e que, com alguns dias de uso, a musculatura facial se integra às próteses, resultando em aspecto natural. O momento ideal para opinar sobre o tamanho dos dentes é a etapa de confecção da prótese, quando a gengiva artificial ainda é feita de cera. Nesse momento, se o paciente achar que os dentes estão grandes, deve externar sua opinião a seu dentista, que irá avaliar, junto ao protético de sua confiança, se isso é só uma impressão ou se queixa procede. Caso positivo, o tamanho e a montagem dos dentes podem ser alterados. Depois de a prótese pronta, é mais difícil (às vezes, inviável) realizar alterações.

– Náuseas ao colocar ou remover as próteses da boca dentária. O reflexo de vômito diminui gradativamente, à medida em que a pessoa se adapta às novas próteses.

O acompanhamento desta adaptação por um cirurgião-dentista qualificado é fundamental para facilitar esta adaptação, evitando possível agravamento do mal estar se sua transformação em doença e assegurando o bem estar do paciente.

#DraCecíliaAguiar #MuitoAlémDosDentes #Saúde #Dentista #BemEstar #Próteses #PróteseDental #Dentadura #PróteseTotal #Odontogeriatria